radio
Telefonia do Alentejo

MUNICÍPIO DE PORTEL OFERECEU MANUAIS ESCOLARES E LIVROS AUXILIARES A TODOS OS ALUNOS DO CONCELHO

Fonte: Nota de Imprensa

15 Setembro 2017

Atendendo ao grande esforço financeiro que o início do ano lectivo representa para as famílias, a Câmara Municipal de Portel ofereceu os manuais escolares a TODOS OS ALUNOS DO CONCELHO, sem excepção.
À semelhança dos últimos oito anos, o Município de Portel ofereceu os manuais escolares e respectivos livros auxiliares, a todos os alunos do 1º ao 9º ano de escolaridade. Neste ano lectivo atribuiu também um apoio financeiro, no valor de cem euros, a todos os alunos do ensino secundário.
A oferta dos livros escolares (manuais e cadernos de actividades) é uma das várias medidades de apoio às famílias criadas pela Câmara Municipal para fazer face a uma despesa significativa para os agregados familiares.
Esta acção abrange mais de quinhentos alunos de todo o concelho, representando um investimento de cerca 65.000,00€.
Este apoio que desde o ano 2009 abrangia os alunos do 1º ciclo, foi alargado no ano de 2013, a todos os alunos dos 2º e 3º ciclos e agora aos alunos do ensino secundário.
De referir que, a oferta dos manuais é totalmente independente do apoio atribuído no âmbito dos da ação social escolar (auxílios económicos, vulgos Escalão A e escalão B), os quais continuam a ser atribuídos pelo Município na íntegra e nos termos da legislação em vigor.
Outra das medidas que continua a ser assegurada com este apoio, visa os alunos com necessidades educativas especiais, que não utilizam manuais. A estes alunos, a autarquia atribui um apoio monetário correspondente às necessidades de cada caso.

José Manuel Grilo, presidente da autarquia portelense, refere que, com este apoio, talvez único em todo o país, a Câmara Municipal de Portel pretende proporcionar uma ajuda suplementar às famílias do concelho, contribuindo de forma significativa para a igualdade de oportunidades das crianças e jovens do concelho e para o seu sucesso educativo. A igualdade de oportunidades na educação continua a ser uma das maiores prioridades da Câmara Municipal de Portel que, nestes últimos anos tem vindo a reforçar as medidas de apoio às famílias.
Para além deste valor, o Município tem vindo a garantir e irá manter, uma série de medidas que contribuem para reforçar o apoio à Educação e que anualmente se reflectem no orçamento, com verbas avultadas que representam várias centenas de milhares de euros. Os investimentos nos edifícios escolares e nos seus equipamentos, o transporte e as refeições escolares em todo o concelho, os auxílios económicos a alunos provenientes de famílias com menores rendimentos, o prolongamento de horários gratuito, as actividades de enriquecimento curricular em todas as escolas, a ocupação de tempos livres e actividades de férias escolares, um número muito significativo e diversificado de ofertas educativas e artísticas que vão da dança ao teatro, da natação às novas modalidades desportivas, da música ao inglês, as visitas de estudo e os passeios escolares, são algumas das medidas implementadas pelo município.
Para além destas medidas de referir, como destacou o presidente José Manuel Grilo, o apoio concedido pela autarquia a todos os alunos do concelho que frequentam o ensino superior, no valor de quinhentos euros anuais.
De salientar que no ano lectivo agora iniciado, vai ser concretizada uma grande intervenção de requalificação, beneficiação e ampliação da Escola D. João de Portel.

OPINIÓN DE NUESTROS LECTORES

Da tu opinión

Incorrecto intentelo de nuevo
NOTA: Las opiniones sobre las noticias no serán publicadas inmediatamente, quedarán pendientes de validación por parte de un administrador del periódico.

NORMAS DE USO

1. Se debe mantener un lenguaje respetuoso, evitando palabras o contenido abusivo, amenazador u obsceno.

2. www.radiotelefoniadoalentejo.com.pt se reserva el derecho a suprimir o editar comentarios.

3. Las opiniones publicadas en este espacio corresponden a las de los usuarios y no a www.radiotelefoniadoalentejo.com.pt

4. Al enviar un mensaje el autor del mismo acepta las normas de uso.