radio
Telefonia do Alentejo

Restantes órgãos sociais devem ser eleitos a 19 de fevereiro

José Calixto é o novo presidente da ADRAL

Fonte: Redação

17 Janeiro 2018

Decorreu a Assembleia Geral de acionistas da Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo (ADRAL) que legitimou o novo presidente do Conselho de Administração desta instituição.

A ADRAL é agora presidida por José Calixto, que é também presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz.

O autarca explicou ao Grupo Diário do Sul que “a ADRAL é constituída por um Conselho de Administração (CA), uma Comissão Executiva, um Conselho Fiscal e uma Assembleia Geral”.

Esclareceu que “o CA da ADRAL é presidido pela Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC), cujo representante sou eu”, focando que “o CA da Agência tem uma Comissão Executiva, à qual eu também presido”.

Disse ainda que “no dia 19 de fevereiro, na próxima Assembleia Geral, vão decorrer eleições para escolher os restantes órgãos sociais”.

Relativamente à Assembleia Geral realizada ontem, José Calixto realçou que “propus-me a apresentar no espaço de um mês toda a informação relevante do ponto de situação da ADRAL e tudo aquilo que tem a ver com a apresentação de estratégias que possibilitem aos novos órgãos sociais terem uma perspetiva de qual é o papel da Agência e de que forma se conseguirá atingir esses objetivos estratégicos”.

Para o novo presidente do CA, “a ADRAL tem um papel muito importante na região”, precisando que “tem vários milhões de euros de projetos comunitários sob a sua gestão e portanto necessita de uma atenção mais profissional e que permita ao Alentejo ter um instrumento de desenvolvimento económico e de promoção internacional da sua atividade económica e dos seus agentes económicos que de facto atue em todo o território”.

Constatou que “para isso temos um corpo de acionistas de referência em toda a região, quer na economia privada, quer na gestão pública local e nacional e dos órgãos descentralizados do Estado”.

José Calixto afiançou que “contamos com todos eles para que esse documento que acompanha a eleição dos novos corpos sociais seja um documento estratégico e eficaz em toda a região”.

OPINIÓN DE NUESTROS LECTORES

Da tu opinión

Incorrecto intentelo de nuevo
NOTA: Las opiniones sobre las noticias no serán publicadas inmediatamente, quedarán pendientes de validación por parte de un administrador del periódico.

NORMAS DE USO

1. Se debe mantener un lenguaje respetuoso, evitando palabras o contenido abusivo, amenazador u obsceno.

2. www.radiotelefoniadoalentejo.com.pt se reserva el derecho a suprimir o editar comentarios.

3. Las opiniones publicadas en este espacio corresponden a las de los usuarios y no a www.radiotelefoniadoalentejo.com.pt

4. Al enviar un mensaje el autor del mismo acepta las normas de uso.